Buscar

#13 Sempre Há uma Saída

Eu planejei o escopo para essa série de vídeos de reflexões sobre o filme “Procurando Dory” antes de viajar. Então, programei um dia da viagem para acordar mais cedo e gravar os 3 vídeos. Porém, durante as gravações, eu tive alguns desafios que me impediam de gravar. Detalhe: isso só aconteceu nesse dia. Eu reparei que nos outros, o local estava bem tranquilo. Lei de Murphy, sabe?


Tive várias interrupções e uma gravação que poderia durar 20 minutos, durou um pouco mais de 1 hora. Enfim, já estava impaciente com a situação, mas fui em frente.


Quando vi que o último vídeo teria que ser regravado, porque havia muito barulho de fundo e eu não percebi a tempo, fiquei muito brava, achei que não era para dar certo e decidi deixar isso para outra hora.


Foi quando, um pouco depois, caminhando para o Centro da cidade que lembrei do que eu havia acabado de compartilhar com você no vídeo abaixo: sempre há um jeito para tudo!



Posts recentes

Ver tudo