Buscar

Qual conselho você daria para a sua versão de 10 anos atrás?

Foi assistindo um episódio da série “How I Met Your Mother” que tive a idéia de escrever este post.

Um dos personagens, Marshall, encontra uma carta, em meio às suas coisas antigas, que ele mesmo escreveu, aos 20 anos, para que pudesse ler aos 30. Foi engraçado como isso me fez refletir sobre como eu era e as minhas expectativas há 10 anos!

Sabe o quanto isso me ajudou? Demais!! Lembrei que algumas coisas das quais eu sonhava alcançar aos 30 não aconteceu, mas eu pude vivenciar muitas outras experiências e melhores do que eu esperava!

Ficamos tão preocupados com o nosso futuro, em apenas alcançar os nossos objetivos que não nos damos conta de cada conquista que tivemos.

Eu, aos 20 anos, era muito mais preocupada e ansiosa com o que poderia acontecer. Ao mesmo tempo, em que eu estava num momento em que eu parecia ter parado no tempo, só trabalhava, não sabia ainda qual curso de graduação eu faria, estava infeliz num relacionamento, enfim, era insegura sobre tudo.

Além disso, achava que eu deveria casar aos 26, ter 2 filhos antes dos 30 anos e que nessa idade, eu já seria muito bem sucedida na minha carreira. E que se isso não acontecesse, seria o fracasso para mim.

Hoje, aos 30, consigo ver como superei cada insegurança, percebo cada atitude que tomei em prol da minha felicidade e realização. Casei com quase 27, até hoje não tenho filhos e aos 30 resolvi mudar de carreira. Considero um fracasso? Com certeza não!!

Errei, acertei, levei tombos da vida, me decepcionei com pessoas e…tudo bem!! Eu apenas sou quem sou hoje por tudo o que eu aprendi em todos estes anos. E acho isso incrível, pois amadureci muito!

Se eu pudesse ficar cara a cara comigo, mas na minha versão de 20 anos, eu falaria: “Sua vida vai passar por grandes reviravoltas, ‘furacões’ virão para tentar acabar com você, mas aguente firme, porque você conseguiu!! E foi muito melhor do que você esperava!”

Percebi que olhar para o presente pensando que nada aconteceu como deveria é escolher sofrer. Mas olhar para o passado e ver como evoluí dia após dia, diante das circunstâncias, é perceber também como isso me preparou para a vida e o quanto já conquistei (não apenas na questão material, mas também nas áreas pessoal e profissional) até agora. Isso tudo significa dar valor à própria vida e me permitir ser feliz!

É o que sempre digo por aqui: se eu consegui ter essa percepção, você também pode. Se eu posso ser feliz, todo mundo pode e consegue!!

E então? O quanto você evoluiu até aqui? E qual conselho se daria para a sua versão de 10 anos atrás?

54d140f5275753.9329954954d140f51e7141.32238383

#experiências #compartilhamento #lifecoaching #comportamento #aprendizado #coachingdevida

Posts recentes

Ver tudo

Eu, assim como você, estou preocupada com o futuro e passei por um luto nas primeiras duas semanas da quarentena até aceitar que os meus planos naquele momento teriam que ser adiados e que as ações qu