Buscar

Você Cuida da Sua Saúde Mental? #janeirobranco

Diante da correria do dia a dia, da carga de trabalho e a onda gigantesca de informações que temos acesso todos os dias, em 2014, alguns psicólogos começaram um trabalho de alerta às pessoas sobre a importância da saúde mental.

Esses questionamentos sobre o que seremos, quando seremos, quanto teremos, o que queremos, em conjunto com a crise no país, têm agravado ainda mais as preocupações, aumentado a carga de trabalho e assim, as responsabilidades e o stress.

Você sabia que segundo um estudo da Organização de Cooperação de Desenvolvimento Econômico, 1 a cada 2 pessoas vai sofrer algum transtorno mental durante a vida? 

Hoje, infelizmente, apesar da busca cada vez maior pela felicidade, plenitude e realização, ainda há um tabu quando o assunto é saúde mental.

E quando falo sobre transtorno ou saúde mental, não falo só sobre a depressão, mas também sobre a bipolaridade, ansiedade, síndrome do pânico, stress pós traumático, transtorno obsessivo compulsivo (TOC), anorexia, bulimia, entre muitos outros.

Você, provavelmente, sofre ou conhece alguém que sofre com um desses transtornos. Por isso, o alerta, não só nesse mês, devido à campanha Janeiro Branco, mas para sempre: como você tem vivido a sua vida? É uma forma saudável? Se você trabalha nessa loucura do mercado corporativo, qual pequena ação diária pode te ajudar a viver melhor e cuidar, principalmente, da sua saúde mental?

Sabe aquele ditado “mente sã, corpo são”? Não é balela! Reflita sobre as suas emoções, atitudes, comportamentos e se você se sentir perdido, procure ajuda! Eu já compartilhei aqui que, por mais que eu tente ser forte em muitas situações, eu também preciso e busco ajuda. É muito importante!

E se puder, por favor, compartilhe essa mensagem e campanha à todas as pessoas possíveis! Vamos juntos levar essa conscientização adiante! =)


Eu apoio o Janeiro Branco!

#transtornomental #compartilhamento #psicologia #janeirobranco #estresse #reflexão #stress #saúdemental #autoconhecimento #ansiedade

Posts recentes

Ver tudo

Eu, assim como você, estou preocupada com o futuro e passei por um luto nas primeiras duas semanas da quarentena até aceitar que os meus planos naquele momento teriam que ser adiados e que as ações qu